Comprar ou alugar imóveis?

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp

Pesquisa realizada pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) sobre o comportamento do consumidor em relação ao dinheiro mostrou que 54% dos entrevistados preferem comprar a alugar imóveis.

Com o isolamento social, muitas famílias começaram a identificar necessidades de um imóvel maior ou estão optando pela compra de terreno para a construir a casa dos sonhos. Com isso, o mercado imobiliário brasileiro está vivendo uma fase muito promissora, apesar da crise provocada pela pandemia da Covid-19. Segundo dados da Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança), nos primeiros quatro meses de 2021, o montante de imóveis financiados chegou a R$ 59,91 bilhões, um salto de 122,3% em relação ao mesmo período de 2020.

Esse aumento também ocorre para o consórcio. Somente no 1º trimestre do ano, o total de cotas vendidas foi 10,3% maior que o alcançado nos três primeiros meses de 2020. Só para imóveis foram 112,67 mil adesões, segundo dados da ABAC (Associação Brasileira de Administradora de Consórcios).

Mais Conteúdos

Dados de produção industrial dos EUA abaixo do esperado

Os EUA divulgaram os dados de Produção Industrial: -1,3% vs 0,2% expectativa vs..

Equivalência de taxas na Renda Fixa

Muito provavelmente os leitores mais atentos, ao lerem nossa última publicação sobre a..

Reflexões sobre as taxas dos Fundos de Investimentos

No Brasil, somos acostumados a fugir e ter medo de taxas. Isso porque,..